FESTAS PATRONAIS JUNINAS MOVIMENTAM AS COMUNIDADES PAROQUIAIS


O mês de junho que estar por ser concluído nos próximos dias, na paróquia de Assaré, foi um tanto diferente em virtude da realização de festas de padroeiros próprios do período junino. Novas comunidades ao longo do primeiro semestre se organizaram e protagonizaram estes momentos devocionais que outrora não acontecia. Tradicionalmente, junho é dedicado ao Sagrado Coração de Jesus, cuja comunidade do São Félix realiza seus festejos (neste ano entre 17 e 25) e o Apostolado da Oração conduz, durante os 30 dias, os exercícios espirituais na Igreja Matriz. Em 2022, as novidades advém das comunidades do Bezerra do Ourives e Volta das Águas - Canoas, que celebraram, respectivamente, as festividades patronais em honra à Santo Antonio e São Pedro. Ambas compõem um rol de cinco novas localidades rurais que passaram a ser assistidas pela paróquia com celebrações mensais, implantação do dízimo e conselhos comunitários e organização catequética, sendo portanto, uma iniciativa acolhedora do pároco, Pe. Lindoval Silva.


Santo Antonio no Bezerra dos Ourives


Distante aproximadamente 28km da sede paroquial, a comunidade do Bezerra dos Ourives, com a motivação e assistência do pároco, realizou a primeira festa dedicada ao seu padroeiro, Santo Antonio. A localidade que possui cerca de 30 famílias vem sendo assistida pela paróquia desde o início do ano com o propósito do erguimento de uma capela em honra ao "santo casamenteiro". No último dia 13 de junho, aconteceu a celebração solene com as famílias da comunidade, fortalecendo ainda mais a devoção e o compromisso de organização eclesial junto aos fiéis. Ao final da missa, o pároco motivou ainda para a possibilidade da constituição de uma associação comunitária na localidade, com vistas à buscar melhorias sociais e o alcance das políticas públicas em favor dos residentes na longínqua comunidade.

Confira a seguir os registros feitos pela PASCOM.



São Pedro na Volta das Águas


A comunidade da Volta das Águas dista 12km da sede do município e fica às margens da Barragem Canoas, maior açude local e um dos maiores do estado, responsável pelo abastecimento hídrico da cidade. Nela, desde julho de 2021, vem ocorrendo as celebrações mensais e o atendimento pastoral com vistas, também, à construção da capela da comunidade. Considerando que o desejo inicial era ter por padroeira, Nossa Senhora Aparecida, o pároco, durante todo esse período, em oração e ajudando a comunidade a discernir - inclusive, sabendo que na paróquia já existem outras 03 comunidades cuja patrona é a Padroeira do Brasil - sugeriu, com pleno consentimento e alegria, São Pedro, o pescador, para proteger e abençoar a comunidade, que possui dentre os moradores um considerável numero de pescadores. Tamanha foi o entusiasmo comunitário que neste dia 29 de junho deve ser concluída a primeira festa em honra ao padroeiro, que contará inclusive, com uma procissão fluvial pelas aguas do açude Canoas. A PASCOM estará presente e posteriormente divulgará os registros fotográficos.



Colaboração: PASCOM Assaré