COM MISTAGOGIA INÉDITA FORANIA REALIZA ROMARIA DO TERÇO DOS HOMENS E DAS ROSAS EM ASSARÉ


Nas primeiras horas da manhã deste domingo (15) centenas de pessoas se dirigiram a localidade do Sítio Cajueiro no município de Assaré, para participarem da Romaria do Terço dos Homens e das Rosas. O evento que reuniu, especialmente, homens do movimento de Schoenstatt das paróquias da região foranea Mártir Benigna, marcou a retomada das atividades de grande porte na forania. Na edição deste ano de 2022 a romaria, motivada pela "mistagogia das rosas" apresentada pelo pároco de Assaré, Pe. Lindoval Silva, foi realizada no contexto reflexivo acerca de um acidente trágico ocorrido no ano de 2008 envolvendo três crianças de uma mesma família que faleceram, por afogamento, no Sítio São Félix, distante aproximadamente 5km do local de início da romaria.


A mística descoberta pelo sacerdote diz respeito a fatos singulares que surgiram após o acidente e testemunhados por moradores da localidade e por familiares das jovens, a exemplo do surgimentos de rosas de raras espécies - daí o título incorporado à Romaria -, além de manifestações devocionais locais que motivaram a construção de uma capela ao lado do poço, onde ocorreu a fatalidade. Para o clérigo, "há ali, um clima que favorece a espiritualidade que nos faz refletir sobre o sentimento de esperança e mais ainda sobre o sentimento do amor. O amor verdadeiro de Cristo que nos convida a 'dar a vida por nossos amigos' (cf. Jo, 15, 13). Aqui vemos o exemplo real destas crianças que diante da fatalidade aqui ocorrida, ofereceram suas vidas por amor e em favor das outras, em situação de risco, que infelizmente, levou a este fim trágico. Neste acontecimento encontramos, indiscutivelmente, o que o amor verdadeiro é capaz de gerar no coração humano, a doação, o sacrifício. Por isso nesta romaria convidamos os homens do terço da nossa Forania para conhecerem e refletirem sobre esta belíssima história e testemunho de vida", finalizou.



A romaria contou com o apoio das famílias das comunidades locais, dos casais do ECC, PASCOM, da Gestão Municipal, e ainda, com a participação do Pe. José Ricardo Sales, pároco da Paróquia São José Operário do Distrito de Ponta da Serra, em Crato, e diretor espiritual do Movimento de Schoenstatt na diocese, bem como de autoridades e fieis de outras comunidades da paróquia. Além da caminhada, foi realizada a Santa Missa, ao lado da Capela do Sagrado Coração de Jesus, no Sítio São Félix, seguida de visita e momento oracional no poço, local do trágico acidente envolvendo as crianças.


Daniel Gonçalves, poeta, neto de Patativa do Assaré e coordenador do Terço dos Homens da Igreja Matriz, avalia como positiva e frutuosa a concretização do evento. Em suas palavras, "o principal objetivo de uma romaria é o sacrifício (...) quando a gente coloca (a história de) três crianças que faleceram pelo sacrifício, em doar-se (umas) pela outra, a gente lembra logo de Jesus que doou a vida por nós. Unimos muita coisa numa só: a emoção do momento, a devoção por Maria, a nossa paróquia, o nosso Terço dos Homens, o sacrifício ocorrido neste local", completou.




As imagens e registros da Romaria estão disponíveis nas redes sociais da paróquia.


Facebook: Paróquia Nossa Senhora das Dores de Assaré/CE | Facebook

Instagram: @paroquiadeassare


Colaboração: PASCOM Assaré.